Câncer de mama: como prevenir?

Saiba como prevenir e detectar o tipo de câncer com mais incidência em mulheres

Diversas campanhas e caminhadas ao combate do câncer de mama são manifestações realizadas no Brasil desde o século passado – e o governo vem dando grande importância para essa doença que ainda mata muitas mulheres por ano. Em 2012 estima-se cerca de 52 mil casos de câncer de mama no país, mesmo com a ressalva que as mulheres se cuidam mais e tem mais chances de cura.

Como detectar o câncer de mama

Depois de atingir a puberdade, a mulher já deve realizar o teste do toque nas mamas como primeiro procedimento de prevenção. Através do toque, é possível ver se há algum nódulo nos seios ou sentir alguma dor, combinando com partes duras abaixo da pele. Se for identificado algo, é imprescindível a visita a um médico ginecologista. O autoexame de toque funciona bem geralmente para as mulheres mais jovens e com menor massa de gordura nos seios, pois se torna fácil a identificação.

Para as mulheres mais maduras ou qualquer uma que deseja fazer uma apuração melhor sobre sua mama, é preciso passar por um teste de mamografia, onde o tumor ou câncer pode ser facilmente identificado graças ao tipo de “raio X” das mamas realiza a descoberta de casos onde se pode combater a doença desde o início. Para as mulheres entre 50 até 69 anos são aconselháveis realizar a mamografia de dois em dois anos, para não se correr o risco de surgir a doença silenciosamente. Para as mulheres de 30 anos, é recomendável o exame a cada três anos até chegar os 40.

Caso a mulher apresentar histórico de câncer de mama na família, principalmente por parte de mãe e irmã, é necessário exigir uma atenção redobrada. Um exame clínico é ideal nesses casos em conjunto com os exames de sangue e a mamografia que o médico irá receitar.

O que fazer para prevenir o câncer de mama?

A reeducação alimentar é um meio de combater os fatores de risco causadores do câncer de mama junto ao exercício físico para emagrecimento ou para manter o peso. Essas ações melhoram significativamente a qualidade de vida e garantem a melhoria na saúde principalmente após a menopausa, onde há uma alteração hormonal muito forte.

Uma dieta rica em Vitamina A ajuda a combater fortemente a doença e a diminuição da gordura endógena é ideal para garantir a boa saúde. Além disso, alimentos que combatem o câncer de mama são identificados como ricos em fontes de proteínas magras, laticínios com pouca gordura, peixes, queijos, grãos e muitas frutas, verduras e legumes. O feijão também tem um grande efeito de inibir que compostos que causem câncer comece a se formar nas células.

Ainda está em discussão a questão da pílula anticoncepcional em que se toma via oral se pode ajudar a desenvolver o câncer de mama ou não, mas apesar de alguns médicos ser contra a pílula muito cedo, diversas pesquisas científicas já divulgaram que as substâncias hormonais não ajudam a desenvolver a doença.

Em resumo, conheça a lista de fatores de risco que levam a mulher desenvolver o câncer de mama.

  • Estar com mais de 50 anos
  • Histórico de câncer de mama na família
  • Não ter filhos
  • Grande exposição a raio X
  • Primeira menstruação cedo
  • Menopausa tardia
  • Primeira gestação após os 30 anos
  • Dieta rica em diversos tipos de gorduras

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s